Resenha | Vingadores: A Guerra Kree-Skrull

A Guerra Kree-Skrull foi um arco de história escrito por Roy Thomas e desenhado por Sal Buscema e Neal Adams, estrelado Os Vingadores em um conflito intergaláctico entre os Krees e os Skrulls. A história foi originalmente publicada pela Marvel Comics, em Vingadores (vol. 1) # 89-97 (junho 1971 – março 1972), mas o termo tem sido usado para se referir a uma série de conflitos entre o Império Kree, localizado na Grande Nuvem de Magalhães, e o Império Skrull, localizado na Galáxia de Andrômeda, que ocorre há milhões de anos.

A trama tenta passar um sentimento de tensão, quando um político proeminente (Warren Craddock) acusa os heróis de colaborarem com aliens. Pelo discurso forte que é feito na história, fica claro que Thomas & Adams estão querendo fazer uma referência ao McCarthismo, com sua perseguição constante e a exigência de que os acusados confessem crimes, mas a passagem dos anos já não permite uma acurácia desta informação, afinal mesmo profundamente marcante esta caça às bruxas ocorreu nos anos 1950.

A perseguição aos heróis resulta na desativação da equipe, mas Visão, Feiticeira Escarlate, Mercúrio e Golias (na verdade o Gavião Arqueiro utilizando-se das fórmulas de Hank Pym) atendem a um pedido do Capitão Marvel e enfrentam os skrulls. Mar-Vell é capturado e tem que produzir um projetor de ondas totais e no meio da trama entram os Inumanos, e soldados de armaduras da SHIELD, os Mandroides! Os Inumanos estão para iniciar uma guerra com a América, já que Maximus exige uma resposta armada ao ataque perpetrado pelo skrulls, que ele atribui aos humanos.

A Terra fica sem sua principal equipe de heróis e ainda tem que enfrentar um poderoso conflito armado com uma raça que aparece alienígenas. Isso nos leva a uma busca pelo rei dos Inumanos, o Raio Negro, mais um complicador ao roteiro. De sobra Rick Jones, ex-parceiro do Capitão Mar-vell é manipulado pela Suprema Inteligência Kree, chegando a manifestar poderes, mas com o objetivo final de fundir-se ao herói novamente.

Desenhada por Neal Adams a aventura é um ponto alto na arte, mas obviamente é apenas um grande interlúdio para a trama principal, que é o conflito Skrull-Kree que se utiliza da Terra como meio de passagem entre os Impérios inimigos. Quem tiver o planeta terá um ponto estratégico no Mapa Estelar.

Foi publicado originalmente no Brasil em Heróis da TV #44, 47-50 (fev á ago/1983), mas já recebeu um encadernado pela Panini para a série Os Maiores Clássicos dos Vingadores. Realmente a história é muito divertida, porém carece de uma estrutura melhor na narrativa .

Posted Under
  • Estou curiosa como Capitã Marvel irá adaptar esta história, sem os principais vingadores, só focando nela.
    A melhor coisa da capa é a pose do Tony kkkkkkkkkkkkk

  • Seth

    Talvez o filme da Capitã Marvel seja apenas a primeira parte da Guerra Kree-Skrull, tendo o final dela acontecendo no tempo presente com o restante dos Vingadores, e os Guardiões também.

  • to achando que não Seth rsrs. Kevin disse que a fase 4 não terá arco, acabará no filme dela mesmo. No maximo teremos Vingadores: Invasão Secreta, em um unico filme CA:Guerra Civil

  • Seth

    Não precisa ter um grande arco sobre isso, o que eu quero dizer é que essa guerra entre eles pode ter um início no filme da Capitã Marvel, e acabando de alguma forma aí, porém com implicações futuras entre as raças, como se aquilo tivesse ficado mal resolvido entre eles e uma delas buscasse vingança. Temos que esperar pra ver qual será a razão do desaparecimento da Carol entre os anos 90 e o tempo presente, sendo que isso pode estar conectado. Dessa forma os Kree e os Skrulls poderiam voltar a se enfrentar no contexto dos Vingadores mais uma vez, enquanto os Skrulls estiveram armando essa invasão durante todo esse tempo e tomando posse da identidade de personagens como a Maria Hill. Eu quero muito Invasão Secreta também, quando eu paro pra pensar acho que existem tantos grandes filmes em potencial pra se fazerem que não deveriam encerrar o grupo em sua formação clássica em Avengers 4.

  • Acho que eles vão se inspirar na formação: Capitão Marvel substituindo o Capitão America, Feiticeira Escarlate, Visão, talvez retorno do Mercurio, Homem Formiga , Vespa e Pantera Negra e Doutor Estranho. Não sabemos se falcão, Maquina de Combate e Gaviao irão retornar pois eles são fracos comparado a nova formação terão herois mais poderosos.

  • Herbie: De Volta ao Lar

    Curioso para ver como vai ficar em Capitã Marvel essa história….ótima resenha.

  • Homem-Coisa

    Tomara que tenha o Mar-Vell no filme.

  • rumores dizem que ele estará

  • Seth

    Eu tenho até medo da reação do público se o Mercúrio voltar haha

  • kkkkkkkk Acho que é um personagem que merece, ja que nos filmes são poucos os personagens com poderes realmente.

  • obrigado amigo. Acho que ficará foda

  • Seth

    Sim, também acho. Eu fiquei decepcionado com a morte dele, queria ver mais. Acho que dá pra fazer algo bem legal com o Thanos usando a jóia da alma. Ruim vai ser o povo que vai ficar falando que ninguém morre de verdade na Marvel hahaha

  • reclamam de tudo mesmo kkkkk nem seria novidades migo

  • Seth

    Mudando um pouco de assunto.
    Eu queria saber sobre sua opinião sobre o fato do filme da Capitã Marvel se passar nos anos 90. Será que poderemos ver outros personagens como Coulson e a Agente Carter? Faria sentido.

  • Acho improvável o Coulson, mas agente Carter e Homem Formiga original pode rolar. Tudo é possivel, eu não fiquei surpresa de se passar no passado, Capitão América também se passa, e o filme da MM só impulsionou isto. Estou no minimo curiosa.

  • Anderson Claudino Dos Santos

    Foi nessa saga que começou a se formar o casal Wanda e Visão, tbm temos a presença de Ronan e a clássica história do Homem Formiga se aventurando dentro do Visão, realmente uma excelente saga.

  • Também acho, a pegada cosmica será bem mais expansiva que Guardiões da Galaxia por exemplo. Será equivalente se o quarteto estivesse na Marvel.

  • Seth

    Parece que aos poucos vários elementos que fizeram o Quarteto ser sucesso nas HQs estão aparecendo no MCU. Tinham me dito como a Marvel está trabalhando Homem Formiga com essa pegada familiar, primeiramente entre o Scott e a Cassie que já tem nos próprios quadrinhos do personagem, mas também do Hank Pyn e a Hope, sendo agora todos eles juntos com a Vespa original retornando. Achei uma comparação interessante.

  • Sim migo, Homem Formiga e Vespa terá uma vibe de Os Incríveis e Quarteto Fantástico, foi dito pela impressa que participou da Comic Con. Eles viram o teaser. Acho isso massa. Talvez seja por isso que a Marvel optou por colocar duas gerações de Homem Formigas e Vespas, para trazer esse ar familiar e de filme de aventura.